INDÚSTRIA DAS ABELHAS

Imagem: Freepik: Favo de mel

 

O mel é um “alimento” produzido por abelhas e para abelhas. Ele é fabricado por elas a partir da coleta do néctar das flores. As abelhas trabalham durante o verão, passam o tempo produzindo alimento para se abastecerem no inverno. Mas o mel que compramos no supermercado, é extraído através da apicultura e não é produzido de forma natural. 

 

Leia também: O QUE É CARNISMO E COMO ELE NOS AFETA

 

Para o mel industrial ser retirado da colmeia, se utiliza um fumegador. É um equipamento que produz fumaça e desnorteia as abelhas, deixando-as sem capacidade de atacar e soltar o ferrão no apicultor. Quando as abelhas respiram essa fumaça, elas se contorcem no chão, em sofrimento por um longo tempo, até morrer asfixiadas com a fumaça e algumas vezes, queimadas pelo calor. Depois, o apicultor retira os favos, que é onde as abelhas armazenam o mel.

 

Imagem: GreenMe Brasil

 

O ser humano está sempre em busca de comercializar algo que não é ele quem constrói. Com as abelhas, além de venderem o alimento delas, vendem a cera que elas produzem, o própolis e a geléia real. Essa última, é expelida pela glândula hipofaringeana desses insetos, ela é necessária para o desenvolvimento da abelha-rainha, que lidera a colmeia.

Uma das práticas mais amplamente usadas nesse contexto industrial, é a de inseminação artificial das abelhas-rainhas, tendo controle no acasalamento. Nesse processo, se espreme o zangão pra coletar o sêmen e ele acaba morrendo durante esse processo. 

Outra questão que mostra a crueldade nessa criação, é de que a colônia só sobrevive com uma rainha. Então é comum que cortem as asas da abelha-rainha, pra que impossibilitem a mesma de voar e prevenindo que as abelhas abandonem a colmeia.

Imagem: Revista Galileu

 

Sempre importante lembrar que as abelhas polinizam de 50% a 80% dos vegetais que consumimos. Se as abelhas forem extintas, a vida do planeta está condenada, pois elas, com a polinização, promovem a vida de vários ecossistemas em nosso planeta. E se você quiser achar substitutos pro mel, aqui vão algumas dicas:

  • Melado de Cana
  • Calda de Agave
  • Néctar de Coco 

 

Não precisamos financiar essa indústria, tendo tantas opções parecidas, doces e que não exploram animais. O mel da abelha não é feito pra nós, assim como o leite da vaca, que também é feito exclusivamente para os bezerros. Vamos fazer a conexão? 

 

Referências: 

Instrumental Insemination

A Enxameação

 

Texto escrito por Vegalizai

 

Voltar para o blog