VOCÊ JÁ AJUDOU ALGUÉM A VIRAR VEGETARIANO E/OU VEGANO?

Imagem: https://pin.it/qr6U0P4

 

Quando paramos de comer carne, parece que o mundo para e que tudo muda. Quando entendemos todo mal que tem por trás da indústria, toda violência causada nos animais e no planeta, não conseguimos acreditar que ainda existam pessoas comendo carne. E o nosso discurso passa a ser um pouco mais desconectado com o nosso propósito maior. 

 

Leia também: PRODUTOS PRA VOCÊ CONSIDERAR TIRAR DA ROTINA

 

Ficamos tão impactados e assustados, que normalmente nosso comportamento é de repudiar o de quem ainda consome carne. É de tentar mostrar para as pessoas tudo que descobrimos. É de se afastar de amigos que dizem “Eu nunca vou parar de comer carne, carne é minha vida”. Tentamos expor a todo custo tudo o que descobrimos, mostrando pro outro que o que ele come é tortura, dor, desmatamento e tudo de problemático que descobrimos ao virar a “chave”. 

Mas quantos amigos realmente têm uma escuta ativa com o que falamos? Quantos amigos vão deixar de fazer piada pra entender o porquê da nossa revolta? Quantos amigos vão se interessar pelo movimento, se na maioria das vezes usamos de um discurso violento com ele por ainda continuar comendo carne? 

O propósito do vegetarianismo e veganismo, é justamente o amor pelos animais, a luta por um mundo melhor, mais humano, cuidadoso e justo. Não teria mais potência e eficácia, se usássemos um discurso mais gentil, aproximando quem ainda come carne, do nosso estilo de vida? 

Precisamos levar informação e trazer questionamentos, mas acolhendo o processo de cada um. Um dia também já comemos carne. Um dia também pensamos que não íamos conseguir parar. E despertamos. 

Vamos mostrar o tanto de opções veganas que têm no mercado, vamos dar um produto vegano de presente pra um amigo, vamos levar nossas opções pro churrasco de família. Vamos, em poucos passos, abrindo os olhos de pessoas próximas da gente pra esse movimento tão lindo. Se falarmos com amor e mostrando o quanto é possível, a mudança fica cada vez mais próxima.

 

Texto escrito por Vegalizai

 

Voltar para o blog