LISTA DE COMPRAS

Hoje, por conta do Corona Vírus, muitos de nós que estamos praticando o isolamento social, temos mais tempo dentro de casa e estamos nos dedicando com maior frequência às atividades domésticas. Todos sabemos que não devemos sair de casa com frequência, apenas se realmente for necessário e isso tem provocado mudanças e adaptações nas rotinas, estamos fazendo as refeições em casa e esta é uma grande oportunidade para ajustarmos a alimentação e mudar alguns hábitos.

Que tal começar pela sua lista de compras?

Poucas pessoas tem o hábito de planejar e organizar as refeições da semana. Essa falta de planejamento, pode nos levar a fazer refeições pouco nutritivas, insegurança e exagero na quantidade de alimentos a serem comprados, desperdício de comida e até gastos desnecessários. Lembre-se que muitos estão trabalhando em casa, que as crianças estão presentes em tempo integral e, provavelmente, o consumo habitulamente aumentou um pouco, então reavalie quantidade e faça uma lista!

Pensando em te ajudar a dar o pontapé inicial, montamos uma lista com alimentos chaves que tornarão suas refeições mais nutritivas e equilibradas e, ainda, utilizará seu tempo de forma mais produtiva.

 

Leia também: Beleza e Colágeno

 

Vamos pensar no café da manhã e lanche da tarde. Como alimentos simples e de fácil acesso, você pode montar essas refeições de forma bem nutritiva e variada.

  • Compre, ao menos, 4 tipos de frutas para a semana (inclua sempre 1 fruta cítrica – laranja, limão, mexerica) e compre a quantidade referente à no mínimo 2 porções por pessoa por dia.
  • Aveia em flocos, chia, linhaça e quinoa em flocos são alimentos extremamente nutritivos, fáceis de encontrar e podem ser comprados para um mês. Armazene-os em potes de vidro fechados.
  • Tofu mexido, hommus, pastas de leguminosas podem ser preparados em casa e duram de 3 a 5 dias na geladeira ou compradas em supermercados. Dica: compre o tofu em blocos e mantenha-o em pote coberto com água na geladeira. Troque a água a cada dois dias e e ele poderá durar até 8 a 10 dias.
  • Castanha de caju, nozes, castanha do Pará, amendoim, semente de abóbora/girassol ou tahine e pastas de castanhas são ótimas fontes de gorduras boas, ajudam no controle da saciedade e ideais para o lanche da tarde e não precisam ser refrigeradas.
  • Torradas, pães integrais e biscoito de arroz também são boas opções para incluir nessa lista.

O almoço e o jantar exigem um pouco mais de planejamento, mas é bem mais simples do que parece.

  • Verduras e legumes: Procure por feiras ou produtores que façam entregas em sua residência, assim você garante o alimento fresco e ainda contribui com os pequenos negócios. Se possivel, opte por alimentos orgânicos! Compre sempre 1 tipo de folha verde escura (rúcula, espinafre, couve, brócolis), 1 outro tipo de folha e 3 a 5 tipos de legumes com cores variadas. Lembre-se de sempre comprar opções que são consumidas cruas e algumas que comemos habitualmente cozidas, assadas ou grelhadas.
  • Feijão, lentilha, grão de bico, ervilha e soja podem ser comprados uma vez por mês, preparados semanalmente ou ainda podem ser congelados depois de cozidos. O que facilita muito a vida! Além disso, são versáteis e viram bolinhos, hambúgueres e pastas para sanduíches.
  • Arroz, quinoa, massas podem ser compradas um vez por mês e consumidas de forma variada ao longo da semana. Arroz e quinoa cozidos duram até 3 dias na geladeira!
  • Farinhas (trigo, trigo integral, milho, quinoa, arroz, fubá) são boas opções para ter na dispensa. Existem boas receitas de tortas e bolos rápidos e bem nutritivos.
  • Ervas e temperos dão um toque todo especial em qualquer prato! Elas podem ser congeladas e duram até 2 meses. Basta higienizar, secar, picar, colocar em potes e levar ao freezer.

Você verá que planejando suas compras e refeições, sua alimentação será muito mais variada e nutritiva, e refletirá diretamente na sua saúde e disposição.

 

Texto escrito por: Ale Luglio

 

Voltar para o Blog