0

Seu carrinho está vazio

Qual a diferença entre plástico comum e plástico biodegradável?

agosto 25, 2021

Muito se fala de plástico biodegradável por aí, mas você sabe mesmo a diferença entre ele e o plástico comum? 

A principal vantagem do plástico biodegradável é o seu menor tempo de degradação no meio ambiente. De acordo com dados do Ministério do Meio Ambiente, o plástico comum leva pode levar mais de 400 anos para se decompor, mas é preciso ampliar informações sobre o assunto. Ainda não há informações concretas sobre o tempo de decomposição de cada tipo de plástico, mas existem estimativas: 

  • Saco plástico: 20 anos;

  • Canudo: 200 anos;

  • Garrafa plástica: 450 anos;

  • Fralda descartável: 450 anos;

  • Linha de pescar: 600 anos.

 

Com esse tempo todo na natureza para se decompor, o plástico ainda traz consigo outros problemas:

 

DIFÍCIL DE SER COMPACTADO

O plástico comum é difícil de ser compactado e gera um grande volume de lixo. Com isso, ocupando um grande espaço no meio ambiente e dificultando a decomposição de outros materiais orgânicos. 

 

POLUIÇÃO

Principalmente quando o plástico cai nos oceanos. Ele se fragmenta em pequenas partículas plásticas (microplásticos), que acabam inclusive matando animais marinhos.

 

RECICLAGEM COMPLEXA

Como existe uma variedade gigante dos tipos de plástico, é considerada a reciclagem mais complexa dentre os materiais.

Uma solução para minimizar os impactos causados pelo plástico comum, são os plásticos biodegradáveis. Normalmente são produzidos a partir de biopolímeros, provenientes de matéria prima renovável, como fibras vegetais, raízes como mandioca e cereais como milho e trigo - materiais que já possuem um tempo de decomposição naturalmente menor. Ainda, já existe uma tecnologia em que é possível adicionar um aditivo biodegradante no plástico: com esse aditivo, os potes passam a ser completamente biodegradáveis, fazendo com que se transformem em água, gás carbônico e biomassa quando descartados no meio ambiente. Nesses casos, normalmente, o tempo máximo de degradação total é em 7 anos.

A principal razão pelo plástico comum demorar tanto na decomposição é que a natureza ainda não sabe como se livrar dele. Bactérias e fungos que decompõem os materiais não tiveram tempo de desenvolver enzimas para degradar a substância: cada uma das moléculas de um item plástico possui centenas de milhares de átomos, principalmente carbono e hidrogênio. Como as ligações entre os átomos são muito estáveis, os decompositores não conseguem quebrar o material em partes menores para se decompor. E é isso que o aditivo biodegradante faz: auxilia nesse processo que a natureza ainda não sabe fazer sozinha. 

Entendendo tudo isso, fica claro que precisamos sempre optar pelo plástico biodegradável. É infinitamente melhor optarmos por um produto que passa de mais de 400 anos de decomposição para 7 anos. De qualquer forma, sempre que possível, devemos evitar o uso de plásticos - principalmente os de uso único, como sacolas plásticas e canudos. Uma dica é ter consigo um kit: uma ecobag, canudo de vidro, copo dobrável e talheres já são um passo importante para um dia a dia mais sustentável.

 



Ver outros artigos

Qual o impacto da Mother no mundo em 3 anos de existência?
Qual o impacto da Mother no mundo em 3 anos de existência?

setembro 22, 2021

Bairros verdes também melhoram a saúde do coração
Bairros verdes também melhoram a saúde do coração

setembro 20, 2021

Como ter uma cozinha plant-based prática e saudável
Como ter uma cozinha plant-based prática e saudável

setembro 13, 2021